Blog do Tião Lucena

Blog do Tião Lucena

Postagens

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    Cássio lamenta que "questões do passado" sejam desenterradas na campanha


    Em entrevista nesta quarta-feira(30), o candidato a governador da Coligação A Vontade do Povo, Cássio Cunha Lima, lamentou o fato de que boa parte do debate da atual campanha eleitoral seja pautado em questões passadas. “É inadmissível termos de enfrentar novamente esse tipo de problema à essa altura de nossa história”.

    Em sua análise, Cássio destaca situações consideradas por ele inaceitáveis ocorridas recentemente na área de serviço público no Sertão do Estado e alguns atritos com instituições, a exemplo da Assembleia Legislativa.

    Ele também afirmou que, quando foi governador, teve a sensibilidade de ‘atender à comunidade universitária e viabilizar a autonomia da UEPB’.

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    Governador em exercício visita e elogia a nova Central de Polícia


    O governador em exercício, Romero Marcelo, visitou as obras de construção da Central de Polícia, no Geisel, durante a manhã desta quarta-feira (30). Na ocasião, ele conferiu as novas instalações de quatro blocos que já estão concluídos.

    “Eu já fui delegado de polícia e digo que os prédios onde funcionam as polícias civil e militar sempre foram relegados ao desprezo. Ou seja, os espaços eram pequenos, alugados e não comportavam bem as atividades. Uma obra como esta é uma maneira de elevar a atividade policial, colocando-a dentro de uma boa estrutura. Transcende todas as expectativas”, ressaltou Romero Marcelo.

    O secretário de Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima, também participou da visita e explicou que o andamento das obras da Central de Polícia está avançado. “O projeto prevê seis blocos, onde ficarão as delegacias especializadas, a 1ª Superintendência da Região Metropolitana e algumas celas, além das salas do setor administrativo. Quatro blocos já estão prontos e faltam apenas os outros dois”, disse. “Trata-se de uma obra estruturante para a polícia”, destacou.

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    PRE/PB representa contra Veneziano Vital e José Maranhão por propaganda antecipada


    Ministério Público quer pagamento de multa de 25 mil para cada. Tempo
    de propaganda partidária do PMDB foi integramente usado para enaltecer
    atuação deles como prefeito e governador

    A Procuradoria Regional Eleitoral na Paraíba (PRE/PB) apresentou
    representação contra Veneziano Vital do Rêgo Segundo Neto e José Targino
    Maranhão, por propaganda eleitoral antecipada, ao Tribunal Regional
    Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). O Ministério Público quer eles sejam
    condenados ao pagamento de multa de R$ 25 mil (para cada) por terem
    realizado propaganda eleitoral antes do dia 6 de julho, prazo a partir
    do qual a lei permite a promoção de candidaturas.

    A propaganda antecipada ocorreu em programas do Partido do Movimento
    Democrático Brasileiro (PMDB), veiculados no rádio e na televisão, para
    toda a Paraíba, em horários nobres e em dias diversos, no período de
    abril a junho de 2014.

    Segundo a PRE/PB, houve desvio de finalidade nos programas partidários
    quando o tempo destinado à divulgação de ideias do partido foi
    integralmente utilizado para promover a imagem dos representados,
    veiculando as realizações de Veneziano Vital como prefeito de Campina
    Grande e de José Maranhão enquanto governador da Paraíba. “Em que pese
    a possibilidade de participação de governantes e de parlamentares em
    propagandas partidárias, o desempenho do filiado na condução de
    programas ou à frente da gestão pública deve ser explorado de forma a
    observar os princípios e o ideário da agremiação para que não se
    caracterize promoção pessoal”, ressalta o procurador eleitoral
    auxiliar José Godoy Bezerra de Souza, que assina a representação.

    Nas eleições deste ano, Veneziano Vital e José Maranhão são candidatos
    aos cargos de deputado federal e senador, respectivamente. Para o
    Ministério Público, é inegável que os programas veiculados pelo PMDB
    foram usados com a finalidade específica de lançar, prematuramente, a
    candidatura dos representados.

    A representação foi ajuizada ontem, 29 de julho de 2014. Agora, eles
    serão notificados para apresentar defesa em 48 horas. Logo após, a
    Justiça Eleitoral proferirá a decisão em 24 horas. Na Justiça
    Eleitoral, os prazos também correm nos finais de semana.

    * Íntegra da representação
    http://www.prpb.mpf.mp.br/news/1docs/PREPB_Representao_Eleitoral_VenezianoVital_JosMaranho.pdf

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    Água de Boqueirão dá pra abastecer Campina e vizinhança até setembro de 2015


    O açude Epitácio Pessoa, reservatório que comporta 411 milhões de metros cúbicos e está com 29,9% da capacidade, tem condições de abastecer Campina Grande e cidades vizinhas até setembro de 2015. É o que indica um estudo realizado pela Agência Nacional das Águas (ANA), em parceria com Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) e o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs).

    De acordo com o presidente da Aesa, João Vicente Machado Sobrinho, o resultado apontado na simulação de consumo só será possível se forem mantidos os pressupostos operacionais preconizados pela ANA, que opera o açude com o auxílio da Aesa e Dnocs. O cálculo simula uma situação sem recargas durante esse período, ou seja, se chover, o tempo de abastecimento deve ser ampliado, explica o gestor.

    “Diante do prolongamento da estiagem, tomamos uma série de providências para garantir o abastecimento de Campina Grande e cidades vizinhas. Em parceria com outros órgãos, conseguimos a proibição da irrigação, intensificação da fiscalização sobre os irrigantes, suspensão da liberação de outorgas e ações de combate ao desperdício. Além disso, a Cagepa adotou importantes medidas de redução de perdas e conseguiu reduzir seu consumo de 1,5 metros cúbicos por segundo para 1,23”, destacou João Vicente.

    Segundo a Aesa, o estudo comprova que o trabalho em conjunto resultou, no ano passado, em uma redução de 40% no consumo da água do açude localizado na cidade de Boqueirão. Em 2013 o reservatório teve uma diminuição de 68 milhões de metros cúbicos no seu volume total. Já em 2012 foram gastos 115 milhões de metros cúbicos e em 2011 a extração chegou a 117 milhões de milhões de metros cúbicos.

    “Colocados em um gráfico, esses números apontam de forma clara a diminuição no consumo. Percebe-se que a mudança de postura adotada no início de 2013 contribuiu de forma significativa para o melhor aproveitamento da água de Boqueirão. E ainda hoje, no que cabe ao Governo do Estado, todas as medidas para promover um gerenciamento eficiente da água estão sendo tomadas”, acrescentou João Vicente.

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    Osanira da Serra dos Bernardinos, a defeituosa da quarta


  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    OAB quer receber atrasado dos inadimplentes


    A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), já encaminhou, nos últimos dias, mais de nove mil notificações para os advogados inadimplentes com a anuidade da Instituição. De acordo com o Diretor Tesoureiro, Marcus Tulio Campos, os advogados tem um prazo de 10 dias, após o recebimento da notificação, para comparecerem a sede da OAB-PB e regularizarem a situação, caso contrário terão os débitos encaminhados para execução judicial.

    Marcus Túlio ressalta que a inadimplência gira em torno de 47% na OAB-PB. O valor dos débitos dos advogados com as anuidades soma mais R$ 9 milhões. O tesoureiro explicou que o valor arrecadado com a anuidade não pertence exclusivamente às Seccionais, mas que 20% da receita vai para a Caixa de Assistência dos Advogados (CAA), 10% para o Conselho Federal e 3% para o Fundo de Apoio ao Ensino Jurídico.

    “Por isso eu não posso renunciar a uma receita que tem vários destinatários. Todos os meses recebemos correspondências do Conselho Federal cobrando medidas para combater a inadimplência. É uma cobrança constante e não podemos nos furtar dessa obrigação”, declarou.

    Em 2013, a OAB reduziu de 55% para 47% a inadimplência dos advogados com a Instituição.

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    Juiza aplica multa a Sanhauá por difundir propaganda eleitoral irregular


    A juíza auxiliar do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), Antonieta Maroja, julgou procedente Representação Eleitoral por Propaganda Irregular ajuizada pela coligação ‘A Força do Trabalho’ - PSB, PT, PDT, DEM, PRTB, PRP, PV, PSL, PC do B, PHS e PPL, que tem como candidato à reeleição o governador Ricardo Coutinho (PSB).

    A decisão, publicada nesta terça-feira (29), condenou a Rádio Sanhauá AM ao pagamento de multa no valor de R$ 21.282,00, por ter difundido opinião desfavorável ao governador da Paraíba durante o programa Fogo Cruzado, apresentado pelo radialista Batista Silva.

    A decisão assinala que “do contexto da fala do apresentador do programa Fogo Cruzado percebem-se mensagens subliminares com evidente opinião desfavorável ao candidato à reeleição no cargo de governador do Estado, direcionando bem as severas críticas, não somente pelo conteúdo da fala, mas, também por incluir nelas temas que são mote de campanha da oposição”.

    Na representação, a assessoria jurídica da coligação do governador Ricardo Coutinho destacou que a postura do radialista Batista Silva “foi flagrantemente atentatória à lei eleitoral, extrapolando os limites da liberdade de expressão para o propósito desvirtuado de tornar-se evidente palanque eleitoral, reverberando o discurso das candidaturas oposicionistas com o objetivo de influenciar o eleitorado”.

  • Publicado por Tião Lucena em 30.07.2014


    Dez por cinco


    Era festa de padroeira em Alagoa Grande e a cidade estava apinhada de gente. A igreja lotada, as ruas lotadas, os carrocéis, rodas gigantes, parques de diversões, tudo lotado. As barracas de cachorro quente e de capilés enfeitadas, ofereciam as iguarias aos matutos que haviam descido a serra envergando as melhores roupas. As morenas dos sítios, cheirando a marmeleiro, passeavam pelas calçadas despertando a cobiça dos rapazes esfomeados.
    No pavilhão central, onde tinham assento o prefeito, o delegado e as demais autoridades constituídas, também se sentavam os chamados integrantes da fina flor da sociedade, os ricos e os falsos ricos, os ricos com dinheiro e os ricos lisos.
    Como Pachequinho e seu amigo Veridiano. Pachequinho tido e havido como boa pinta,bom partido, disputado a tapas e unhadas pelas moças casadoiras do lugar, não dispunha de cobre para tomar uma misera cerveja. Veridiano no mesmo barco, liso que só quiabo, os dois na pindaíba e ansiando pelo aparecimento de uma alma caridosa que lhes pagasse a bebida da noite.
    De tanto esperar em vão e de tanto esgurejar as pernas grossas das moças sem aparecer a coragem etílica que a cervejada lhes daria, estavam já se conformando e indo embora, quando Pachequinho viu, no chão, um misterioso pacote. Pegou o dito cujo, chamou Veridiano a um canto, os dois abriram-no e descobriram que ele continha uma pequena fortuna, dez contos de réis.
    O mundo sorriu para a dupla, que já retornou ao pavilhão ostentando o ar arrogante dos vitoriosos. Sentaram-se , pediram uma cerveja, depois outra, mais outra e já estavam na sétima quando escutaram o serviço de som anunciar que Seu Joaquim da padaria perdera dez contos de réis e estava oferendo uma gratificação de cinco contos a quem devolvesse o dinheiro.
    Veridiano olhou pra Pachequinho e perguntou:
    -Tu vai devolver?
    Pachequinho, limpando os beiços melados de espuma, fez cara de safado e respondeu:
    -Sou bem besta de trocar dez por cinco”.


1 2 3 4 5 6





Perfil do Tião Lucena

Tião Lucena, nascido e criado no Sertão, é jornalista desde 1975, tendo começado em A União como repórter e trabalhado em O Norte, no Correio da Paraíba, no Jornal O Momento e no jornal de Agá. Nos três primeiros desempenhou as funções de repórter, editor político, editor do interior, chefe de reportagem e secretário de redação. Também foi vice-presidente da API e diretor do Sindicato dos Jornalistas. Cansou de trabalhar em jornais, cansou de patrões e resolveu criar um espaço somente seu na internet, onde pretende fazer um jornalismo sem cabresto e sem censura.

Publicidade

Entrevista

"O jornalismo atual perdeu a compostura"

Frutuoso Chaves

Entrevista com: Frutuoso Chaves

Usuários Online

No momento temos lendo este blog. No total, 15453902 pessoas visitaram esta página.

 

Coluna do Tião

Nos tempos de jornal (65)

Nos tempos de jornal (65)

Clima

 

Coluna do Chico Pinto

 A URUCUBACA DOS VICES

A URUCUBACA DOS VICES

Enquete

 

Rádio Online

Subir

tiaolucena@gmail.com

Tião Lucena - Todos os Direitos reservados